Stress? Ansiedade? Depressão?

A saúde tem três componentes fundamentais: física, bioquímica e mental/emocional/espiritual.

A saúde é altamente complexa, vem de dentro e só é possível quando estas componentes estão equilibradas e a funcionar no máximo das suas capacidades. No momento em que fugimos desse equilíbrio, o corpo começa a enfraquecer e a pessoa adoece.

As três componentes da saúde (física, mental e bioquímica) afetam-se umas às outras. É por isso que a postura também pode mudar a nossa forma de pensar. Como? Através das interferências nervosas. O cérebro, a medula espinhal e os nervos espinhais formam o sistema nervoso: sistema mestre que controla todas as funções no nosso organismo, transmitindo a corrente elétrica, essencial à vida, a todos os órgãos do corpo humano.

É comum, no percurso da vida, vários stresses como as quedas, as más posturas, os movimentos repetitivos no trabalho, os traumas no desporto, os acidentes automóveis, os pensamentos desequilibrados, uma dieta desequilibrada ou a falta de descanso. Tudo isto provoca interferências nervosas na coluna, as chamadas subluxações vertebrais.

Se não são corrigidas, as subluxações vertebrais podem causar tensões musculares, fadiga, irritação, falta de concentração, baixa energia, desequilíbrios emocionais ou stress, podendo dar origem à ansiedade ou depressão.

Por exemplo, se tivesse uma pedra no sapato e não conseguisse tirá-la, como iria sentir-se? A pedra criaria irritação na pele e até poderia causar uma ferida. Além disso, ficaria irritado, chateado e com falta de concentração e paciência. A pedra no sapato é equivalente à subluxação vertebral no nosso sistema nervoso e o trabalho dos quiropráticos é retirá-la, ajudando o paciente a ter uma melhor função nervosa, a relaxar e a atingir um melhor equilíbrio emocional.

No Centro Quiroprático Nova Vida, o exame quiroprático ajuda a identificar essas subluxações e a compreender se elas estão relacionadas com alguma alteração emocional no paciente. Após um exame quiroprático da coluna vertebral, assim como um estudo biomecânico das radiografias, o quiroprático consegue identificar os pontos de interferências nervosas e planear um programa de correção para eliminá-las e eliminar a dor de forma permanente.

A formação universitária do quiroprático, muito idêntica à do médico, permite-lhe distinguir a origem do sintoma e recomendar o paciente, caso possa existir outra causa para esses sinais irregulares transmitidos pelo corpo. Se um destes sintomas faz parte do seu dia a dia, não hesite! Marque uma consulta no nosso Centro e perceba melhor como a quiroprática pode ajudá-lo! Para mais informação contacte-nos e saiba a data dos nossos próximos workshops de saúde.