Workshop:
Local do Workshop:

Centro Quiroprático Nova Vida

Horário:

9h às 18h

Duração:

2 dias

Workshop de Saúde Mental e Emocional

Libertar o Gigante Interior

Nestes dois dias de transformação e aprendizagem, terá a possibilidade de descobrir uma nova perspetiva sobre os acontecimentos da vida e compreender o porquê de cada um deles.

O Dr. Neil Violante transmitirá, neste dia de treino e formação, parte do culminar de 30 anos de estudos interdisciplinares, a fim de capacitar o lecionado de uma nova metodologia e princípios em comportamento humano, de forma a sentir-se mais confiante e preparado para resolver situações de stress.

Quer interprete que o seu desafio está enraizado no medo, na depressão, na baixa autoestima, na culpa, na tristeza ou na ansiedade, quer seja uma situação pessoal ou profissional, será ensinado(a) a transformar o que considera estar a obstruir o seu caminho de vida numa situação de autoajuda e, assim, a desenvolver o seu verdadeiro potencial melhorando todas as áreas da sua vida.

O que vai aprender:

  • Determinar o que realmente o/a inspira e porquê;
  • Aumentar a sua capacidade de liderança e de influenciar os outros;
  • Dissolver emoções voláteis que estão a influenciar a sua vida, com o Método Demartini;
  • Superar as suas limitações na criação de riqueza;
  • Aliviar a tensão com outros e construir relacionamentos mais fortes;
  • Melhorar a sua gestão emocional e talentos de comunicação.

Palestrante

Dr Neil Violante - Sobre Nós
Dr. Neil Violante
Quiroprático | Consultor em Comportamento Humano

Faça aqui a sua inscrição

Preencha os seguintos dados para se inscrever

Termos de Aceitação

Necessita de ajuda?

Fale com um dos nossos assistentes

Outros Workshops

Desafios digitais, soluções quiropráticas workshop para tech aficionados - Workshop de Dr Fabricio Violante
Saber mais »
Escoliose melhore a sua postura com a quiroprática - Workshop de Saúde Física - Dr Fabricio Violante
Saber mais »
A quiroprática no alívio da dor de cabeça - Workshop Dr Fabricio Violante
Saber mais »