Escrever copy ou transcrever copy do vídeo

 

 

 

 

 

 

 

 

Quando existe um desalinhamento de uma ou mais vértebras chamado subluxação, o organismo inicia um processo de alteração que muitas vezes degenera em doença.

Como é que uma criança perde o alinhamento natural e desenvolve as ditas subluxações?
Existem várias causas: o parto, muitas vezes traumático, as inúmeras quedas que uma criança dá até aos 5 anos, sem falar das lesões derivadas da prática do desporto. Quando afetado pelas subluxações, o corpo envia-nos vários sinais de alerta.

Os sinais mais comuns nas crianças são: Dores nas articulações ou musculares (dores de “crescimento”), falta de concentração, otites, cólicas, obstipação, asmas e dificuldades respiratórias, falta de coordenação, má postura, sistema imunitário fraco e enurese (chichi na cama).

A maioria das famílias que frequenta um quiroprático relata ter mais energia, uma saúde recuperada e menos dependência no que diz respeito a medicamentos. É comum ouvir os pais dizerem que desde que os filhos iniciaram os ajustamentos quiropráticos, ficam doentes com menos frequência, com menos gravidade, têm menos infeções de ouvidos e tomam menos (ou nenhuns) antibióticos e outros medicamentos que os seus colegas de turma.

Fale com um dos nossos especialista numa consulta